Carregando, aguarde...

Central de atendimento: 11 3056-9955 / Endereço: R. Bento de Andrade, 379 - Jardim Paulista - São Paulo - SP - 04503-011
Dicas de saúde ocular

ABRIL MARROM | Você sabia que várias doenças podem causar cegueira?

17 de dezembro de 2019

PREVENÇÃO É FUNDAMENTAL!
Lançada em 2016, a Campanha Abril Marrom alerta a população sobre a importância da prevenção e diagnóstico precoce das doenças causadoras da cegueira.





A visão é responsável por 85% das informações processadas em nosso cérebro. Apesar desse reconhecimento, dados do Censo de 2010, do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), avalia que 35,2 milhões de pessoas no Brasil apresentam algum grau de deficiência visual, sendo seis milhões com grande dificuldade em enxergar e 582 mil cegos. Em contrapartida, a Organização Mundial de Saúde (OMS) calcula que entre 60% e 80% dos casos de cegueira poderiam ser evitados ou tratados; isto significa que milhares de brasileiros poderiam estar enxergando se tivessem recebido tratamento adequado e em tempo correto.

De acordo com o chefe do Pronto-Socorro e Laboratório de Microbiologia do Grupo H.OlhosDr. Pedro Antonio Nogueira Filho, CRM - 120.753/SP, cerca de 44% das pessoas do mundo acreditam que não precisam de exames ou acompanhamento oftalmológico. “Elas imaginam que seus olhos são saudáveis pelo simples fato de estarem enxergando. Quando sentem dificuldades e buscam atendimento oftalmológico, muitas podem apresentar patologias graves já em estado avançado”, afirma Dr. Pedro Antônio.

Lançada pela Secretaria de Saúde da Cidade de São Paulo, em 2016, a Campanha Abril Marrom veio justamente cumprir a essencial missão de conscientizar e educar a população brasileira sobre a importância da prevenção e tratamento precoce para o combate a cegueira. “Afinal, algumas das doenças que afetam a visão são frequentes no cotidiano da população, mas, ao mesmo tempo, também são bastante negligenciadas devido à falta de conhecimento sobre as suas consequências a longo prazo”, enfatiza Dr. Pedro Antonio. O médico salienta que a visita periódica ao oftalmologista é a melhor forma de diagnosticar e prevenir doenças graves do olho.